O DECLÍNIO DA CORAGEM


“É talvez o declínio da coragem o que mais chama a atenção dum estrangeiro no Ocidente de hoje.” (Alexander Solzhenitsyn: in "O Declínio da Coragem", Discursos de Harvard, Junho 1978, Lisboa, Ed. Rolim)

“O declínio da coragem parece ir até à perda de todo e qualquer vestígio de virilidade” (Alexander Solzhenitsyn: in "O Declínio da Coragem", Discursos de Harvard, Junho 1978, Lisboa, Ed. Rolim)

“Será preciso lembrar que o declínio da coragem foi sempre considerado como um sinal precursor do fim?” (Alexander Solzhenitsyn: in "O Declínio da Coragem", Discursos de Harvard, Junho 1978, Lisboa, Ed. Rolim)


Fé, História, Filosofia e Literatura

About this blog

Follow by Email

Seguidores

Archivo del blog